Os cinco maiores museus do mundo

A lista que indica os maiores museus do planeta leva em consideração o espaço destinado às galerias e, consequentemente, ao público que visita o local todos os anos. O interessante é saber que os maiores museus estão espalhados pelo mundo, não se concentrando em apenas um país ou continente. Você tem um palpite sobre os cinco maiores?


Estabelecido em 1792, recebe 9,7 milhões de visitantes por ano em seus 72 mil metros quadrados de área. Ao todo, 38 mil objetos da pré-história até o século 21 estão expostos por lá, incluindo a famosa obra Mona Lisa, a mais notável obra de Leonardo da Vinci.


State Hermitage Museum (São Petersburgo, Rússia)
Com 66 mil metros quadrados de galeria e criado em 1764, este é um museu de cultura e arte que está aberto ao público ininterruptamente desde 1852. São três milhões de itens expostos em um conjunto de seis prédios.


O museu tem a missão de educar sobre a história e a arte chinesas. Surgiu em 2003, da divisão de outros dois museus que ocupavam a mesma área desde 1959: o da Revolução Chinesa e o Nacional de História Chinesa.


Museu Metropolitano de Arte (Nova York, EUA)
Foi criado em 1870 e possui hoje 58 mil metros quadrados de área. É o maior museu dos Estados Unidos e figura entre os que são mais visitados no planeta. A coleção permanente consiste em obras de arte da antiguidade clássica e do antigo Egito, além de pinturas e esculturas de quase todos os mestres europeus e uma extensa coleção de arte americana e moderna. Mantém ainda extensas participações de arte africana, asiática, oceânica, bizantina, indiana e islâmica.


Museus do Vaticano (Cidade do Vaticano, Vaticano)

Datado de 1506, tem 43 mil metros quadrados de área com galerias que exibem obras da imensa coleção construída pelos papas ao longo dos séculos, incluindo algumas das mais famosas esculturas clássicas e obras-primas mais importantes da arte renascentista no mundo. É um conjunto de museus que contêm cerca de 70 mil obras, das quais, 20 mil em exposição.