Seis estações de esqui para aproveitar o frio da América do Sul

Amantes do frio devem se preparar para a temporada de neve no Chile e na Argentina. Os dois países têm incríveis estações de esqui que começam a funcionar com todas as atrações abertas já a partir de junho. O Passaporte Oficina fez uma lista dos mais famosos locais para os esportes gelados em território chileno e argentino.


Chapelco, Argentina
A cidade chama-se San Martin de los Andes, mas a montanha que tem a estação de esqui é muito mais famosa: Chapelco. Localizada há 260 quilômetros de Bariloche, mantém um ar europeu graças às construções do vilarejo. Falamos vilarejo, mas há toda uma infraestrutura com lojas, restaurantes, hotéis, albergues e tudo mais para uma boa estada daqueles que adoram esquiar e fazer outras atividades na neve.

Cerro Catedral, Argentina
São mais de 100 quilômetros de pistas num parque de 600 hectares. O Cerro Catedral comporta até 26 mil pessoas, já que é o maior complexo de esqui da América do Sul. Tem 53 pistas sinalizadas, shopping centers, cafés, restaurantes... Uma verdadeira estrutura para bem receber os visitantes.



Las Leñas, Argentina
Outra cidade argentina, Las Leñas está situada no interior da Cordilheira dos Andes, em um vale ao Sul da província de Mendoza. Tem opções de esportes na neve para toda a família, da criança a partir de dois anos ao adulto. Quem não tem muita experiência pode fazer aulas de esqui e snowboard.

Portillo, Chile
Um pouco mais distante, cerca de duas horas de carro de Santiago, Portillo é outra referência para quem não abre mão de aproveitar o frio. A paisagem branca é cenário perfeito para as atividades ao ar livre que envolvem a neve. Boa gastronomia, ótimos meios de hospedagem e uma multidão em busca das novidades invernais.


Valle Nevado, Chile
O centro de esqui chileno fica na Cordilheira dos Andes, cerca de 50 quilômetros da capital, Santiago. Existe desde 1988, criado por empresários franceses, seguindo o padrão dos melhores resorts de esportes de inverno existentes na Europa. As aulas de esqui, as brincadeiras na neve, a experiência dos esportes no frio são muito bem aproveitadas por aqueles que visitam a região.

Termas de Chillán, Chile

Chillán ganhou notoriedade no Brasil porque era onde ocorria a temporada de Inverno da Revista Caras. Muito familiar, a região tem hotéis, albergues e pousadas para receber pessoas interessadas na neve e todas as atividades neste cenário de temperaturas negativas e muito frio. Lembrando que a cidade possui águas termais, o que garante a possibilidade de alguns esportes na água, em piscinas de águas quentes, mesmo que a céu aberto do lado de uma montanha de gelo.