Mundo animal: visitando alguns zoos do mundo!

O Passaporte Oficina respeita a opinião de quem opta por não visitar zoológicos, mas considera também importante que estes espaços – quando voltados para a manutenção dos animais que já não tem condições de viver em seus habitats – possam ser visitados, como ocorre há muitos anos por todo o planeta. Nas idas e vindas por diferentes países, nossa equipe elegeu os zoos mais bacanas. Veja se você já conheceu algum deles:

Nova York


Fica no Bronx, há cerca de uma hora de metrô partindo da região do Central Park. Tem uma linha que leva você até bem próximo da entrada do Zoo. Foi criado em 1899, tem mais de quatro mil animais de 500 diferentes espécies e, para cada delas, foi criado um ambiente que mais se aproximasse do habitat dos bichos. Ah, no Central Park também tem um zoológico. Serviu de inspiração para o filme Madagascar, lembram?!

Sydney


Um dos zoos mais bem localizados, com uma vista incrível do skyline da cidade, o Taronga Zoo fica a 12 minutos de ferry do Centro de Sydney. Além dos animais em seus ambientes, recriados especialmente para sua estada tranquila, há ainda shows como os com aves de rapina, que sobrevoam os visitantes e retornam para os braços dos treinadores. São quatro mil animais, 20 diferentes percursos para visitar e apresentações diárias. Quem quiser, consegue “acampar” no local, nas acomodações projetadas pela administração do espaço. Para saber mais, acesse o site: https://taronga.org.au/taronga-zoo

Toronto


Uma experiência única na vida selvagem. Mas observe bem a época do ano em que for visitar o espaço. É que como o Inverno canadense é bem rigoroso, os horários são diferenciados e são tomadas algumas providências para garantir a saúde dos animais. A vantagem é que no Verão você tem a possibilidade de acampar numa área exclusivamente criada para este fim. São mais de cinco mil animais, de 500 espécies. Localizado no Rouge Valley, o zoo de Toronto tem programação diferenciada para crianças, adultos e idosos. 

Pomerode


Um dos mais antigos zoológicos do Brasil (o primeiro do Sul do Brasil), este conserva o charme mantido por toda a cidade catarinense. Mantido pela iniciativa privada, tem 1,3 mil animais, de 250 diferentes espécies, entre elas algumas em extinção e um esforço concentrado dos administradores para garantir a conservação. Tem também um projeto de reprodução, com resultados interessantes em animais como jacutinga, papagaio-charão, ararajuba, papagaio-do-peito-roxo e o gato-maracajá.
                         
Joanesburgo


Diferentemente de um zoológico comum, o Lion Park é uma reserva onde são realizados safáris. Os animais estão em ambientes separados por cercas, mas os visitantes é quem chegam próximo, dentro de caminhões especiais. São diferentes espécies de felinos, zebras, girafas e vários outros bichos comuns daquela região africana. São 600 hectares de terra, com programação para toda a família.