A partir de março, passageiro terá que pagar para despachar bagagem


A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) aprovou nesta terça-feira (13/12) a medida que determina o fim do transporte grátis de bagagem em voos nacionais e internacionais. A nova regra começa a valer a partir de 14 de março de 2017.  Outra novidade é referente à franquia mínima de bagagem de mão, que antes era de cinco quilos, e passará para 10 quilos. Com a nova regra, a expectativa é que ocorra uma redução nos preços das passagens aéreas.

Outras mudanças que deverão entrar em vigor com a proposta será para os casos de desistência do passageiro. Será possível obter reembolso integral de até 24 horas depois da compra, se o bilhete tiver sido adquirido com pelo menos sete dias da data do voo. Para a restituição de bagagem, quando ocorrer extravio em voo doméstico, o prazo reduziu de 30 dias para sete dias.