Coréia do Norte se rende ao Festival da Cerveja


Enquanto Blumenau se prepara para mais uma edição da Oktoberfest, os festivais de cerveja também ganham o mundo. Até a fechada Coreia do Norte realizou em agosto o seu primeiro festival de cerveja na capital Pyongyang.


A produção foi feita nos equipamentos de uma fábrica desativada, situada no Reino Unido, mas foi comprada pela Coreia do Norte, desmontada e enviada peça a peça ao país asiático.


A expectativa do governo norte-coreano é a de que as cervejas estatais contribuam no aumento das exportações do país, apesar de o regime político e econômico estar sujeito a duras sanções impostas pelo Conselho de Segurança da ONU, após Pyongyang ter realizado novos testes nucleares e disparado um foguete de longo alcance no início do ano.

As fotos são da BBC.