5 dicas matadoras para fotografia em viagens



Viagens e fotos são atividades que foram feitas uma para a outra. Igual casamento. E no Dia do Fotógrafo, o Passaporte Oficina convidou a fotógrafa e influenciadora digital Luh Testoni para dar dicas de como se dar bem numa trip e trazer os melhores registros. Claro que cada clique vai de acordo com o olhar do fotógrafo. Mas se seguir as sugestões, é possível voltar com grandes recordações.

 “Viajar é uma das melhores oportunidades para fotografar que pode cair no colo de uma pessoa. Poucas coisas são mais legais do que fotografar lugares novos, cheios de coisas diferentes, cores e, dependendo da distância da viagem, pessoas e culturas que você jamais encontraria perto de casa”, reforça. Além das dicas abaixo, já publicadas no blog da fotógrafa, corra para os canais da Luh Testoni e acompanhe tudo de perto!!!  As fotos que ilustram este post, claro, são também de autoria da nossa convidada.





1- Viaje leve: não adianta você querer carregar todo seu equipamento atrás de você feito uma tartaruga desgovernada e depois nem usar porque pesa, porque é perigoso andar com tudo, etc, etc. Leve coisas “pau pra toda obra” e relaxe.


2- Formate seus cartões de memória antes de ir: cartões formatados são mais felizes. Atenção! Apenas apagar as fotos deixa seu cartão com pedaços de informação dentro, o que pode causar problemas. Salve o que precisa e formate (mas salve antes, se você perder todas as suas fotos eu não tenho NADA a ver com isso).


3- Tenha um tripé de mesa: tripé de mesa é um negócio legal de ter numa viagem porque pode te ajudar a tirar retratos em lugares sem aquela cara de selfie e ser mais criativo. É super leve e não chama atenção. Nada de montar um tripé gigante sozinho num lugar que você não conhece! Dependendo do lugar, roubam seu equipamento antes que você consiga soletrar T-U-R-I-S-T-A.


4- Baterias extras são bem-vindas: nada acaba com um dia de turismo como baterias que terminam no meio da tarde e você ainda quer fotografar uns 20 lugares. Uma bateria extra na mochila é sempre uma boa.


5- Conheça seu equipamento antes de ir: acontece muito de gente comprar câmeras justamente porque está indo numa viagem, mas está tão empolgado que se esquece de dar uma estudadinha no equipamento antes de ir e passa um tempão na viagem pastando porque não sabe onde configura as coisas, pra que serve aquela “rodinha cheia de opções” e nem faz ideia do que significa metade dos avisos na tela. Tire um tempinho pra conhecer sua câmera antes de ir e tire o melhor dela.


Curtiu as dicas? Não esqueça de conferir sempre esses passos antes de viajar para fazer lindos cliques por aí!